“Os vereadores não podem enxergar somente aquilo que querem ver” Disse Dedé de Hélia

Sobre a matéria que circula nas redes sociais e grupos de whats app, referente abandono, maltrato e mortes de animais em terreno locado pelo o poder público, colocando a responsabilidade na Prefeitura de Guamaré, através da Secretaria Municipal de Agricultura, o secretário José Reginaldo, mas conhecido por Dedé de Hélia, resolve quebrar o silêncio e fala com exclusividade sobre o caso em carta aberta.

Clique aqui e relembre da matéria publicada pelo o vereador Sub Carlos, e publicado no blog de Fernando a Verdade, e compartilhado nas redes sociais:

http://fernando-averdade.blogspot.com/2019/12/luiz-carlos-souza-jumentos-apreendidos.html

Ele considera uma matéria tendenciosa por parte dos vereadores da oposição ao governo, com cunho politico e de campanha eleitoral, mas deixa claro no texto publicado nas redes sociais como resposta, que desde que assumiu a pasta da secretaria de agricultura, que tem se dedicado dia e noite para oferecer um serviço de qualidade, e responsabilidade a população através da secretaria de agricultura.

Eis a nota publicada: 

Quero de público parabenizar os vereadores pela fiscalização feita especificamente no terreno que abriga os animais retirados das vias pela secretaria de agricultura, realmente os vereadores resolveram efetivarem seus mandatos com as fiscalizações, pena que fazem tão pouco. Em diversas vezes a tribuna da casa do povo tem servido apenas de palco.

Percebo ainda as falácias que são ditas, por muitas vezes faltando com a verdade, nesse momento as acusações é especificadamente contra o Secretário de Agricultura, e o que mais me espanta, é que um dos que hoje me acusa, teve sua esposa como secretária de agricultura, apoiada pelo grupo que hoje assinam uma CPI para investigar.

Fico aqui me perguntando se o nobre vereador Sub- Carlos tem conhecimento desde quando esse terreno é locado para colocar os animais que são retirados da pista? É interessante que a população saiba que o terreno vêm sendo locado por várias  gestões, inclusive no tempo em que a senhora Efigênia, esposa do vereador Sub Carlos foi secretária da pasta da Secretaria de Agricultura, sendo nomeada pela prefeita  interina Diva Araújo,  onde ficaram aproximadamente 2 meses.

Conforme se comprova nas imagens publicada nas redes sociais, os restos mortais são de tempos diferentes, então, é importante que o vereador Sub Carlos, deixe claro para população como sua esposa administrou os cuidados para com estes animais. Hoje o secretário de agricultura administra com cuidado, colocando uma carrada de melão por semana e no ambiente não falta água, porque no local se usa um poço, que os senhores esqueceram-se de filmar.

Por fim, parabenizo a atitude dos nobres vereadores mais uma vez, e que ações como essas não sejam tomadas apenas próximo de um ano eleitoral. Outras atitudes deveriam ser fiscalizadas pelo legislativo do nosso município, como cobrar do Estado que sejam resolvidos os problemas de sua competência como, por exemplo, a água para população (CAERN), o asfalto da RN João Pedro Filho (DNIT).

Outro ponto que deve ser observado é que na gestão da Prefeita Interina Diva Araújo, foram feitos pagamentos de décimo terceiro de forma indevida, contratação de funcionários e pagamento de forma indevida, dentre outros, inclusive essas ilegalidades não foram observadas pelo vereador Sub-Carlos.

O que deixa transparecer é que os fiscais do povo, principalmente os vereadores da oposição, só conseguem enxergar aquilo que eles querem de fato ver.

Por José Reginaldo – Dedé de Hélia

Secretário Municipal de Agricultura

(Visited 140 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.