sss-2
ferragens-pai-e-filhos
jm-variedades
redecon 2
banner site png-1
Câmara Municipal: Resenha da Sessão Ordinária 1º de junho de 2021

Câmara Municipal: Resenha da Sessão Ordinária 1º de junho de 2021

Primeiro vereador a usar a tribuna, Gustavo Santiago (SD), defendeu o homem do campo, solicitando mais apoio do Poder Executivo para essa classe de trabalhadores, principalmente neste momento de estiagem das chuvas. Ainda no seu pronunciamento, Gustavo pediu a perfuração de poços artesanais com o objetivo de fornecer água aos agricultores do município.

O vereador Edinor Melo (MDB), usou a tribuna para criticar o governo federal pela autorização para a realização da Copa América no Brasil, no estado de pandemia, que já matou mais de 450 mil pessoas no país. Edinor ainda falou das recentes quedas de receitas do município, como royalties e ICMS.

Líder do governo, Edinor também falou da situação dos agricultores do município, relatando que o Executivo irá dar total apoio às famílias do campo, comunicando ainda que a prefeitura contratou profissionais da área de perfuração de poços para garantir água ao homem do campo.

Edinor ainda ressaltou às ações desenvolvidas pela prefeitura, como a Casa do Bolo, Fábrica de Polpas de Frutas, que  está em fase de conclusão, dentre outras.

Presidente da casa, o vereador Diego de Lisete (MDB), colocou em discussão o requerimento N° 066/2021 –que solicitava ao chefe do executivo municipal, através do setor competente, que fosse feita a pavimentação a paralelepípedo e rede de distribuição de água das cinco ruas projetadas localizadas em Salina da Cruz.

O vereador Carlos Câmara (MDB), pediu aparte da palavra para justificar o seu requerimento, dizendo que está atendendo uma reivindicação dos moradores que lá residem. Pediram aparte e declararam voto ao requerimento do vereador Carlos Câmara, a vereadora Eliane Guedes e o vereador Manú Nascimento.

A vereadora Eliane Guedes (MDB), pediu aparte e falou da necessidade de nomear as ruas do requerimento do vereador Carlos Câmara. O requerimento foi aprovado por unanimidade dos vereadores.

O presidente da Casa, vereador Diego de Lisete facultou a palavra aos vereadores. O vereador Dedezinho (MDB), foi o primeiro a usar da palavra, falando das necessidades da população da água e da importância do Executivo incentivar a classe rural do município.

Em seguida, o vereador Carlos Câmara (MDB), pediu aparte e falou da situação dos agentes de endemias e da questão da área agrícola do município. O vereador Gustavo Santiago pediu aparte e falou do problema da falta de água nas comunidades e no município.

A vereadora Eliane Guedes pediu aparte, e falou da situação dos agentes de saúde do município e disse que estar do lado dos profissionais, esclarecendo alguns pontos debatidos durante à sessão, inclusive que falou com o Secretário de Saúde para buscar soluções para os profissionais.

O vereador Leandro Félix (MDB), pediu aparte e falou que o apoio que a agricultura do município vem recebendo tem sido importante nos últimos anos. O parlamentar lembrou que os agricultores tem recebido suporte técnico, corte de terra e sementes, entre outros benefícios.

No final da sessão, o presidente da casa, vereador Diego de Lisete, usou da palavra e falou do requerimento de sua autoria para que o Executivo envie para Câmara Municipal um projeto de lei sobre o estágio remunerado.

O vereador ainda falou da LDO enviada ao Executivo em relação ao ano de 2022, e destacou sua preocupação com relação ao ICMS do município, se referindo ao índice para o próximo ano.

Fotos: Alexandre Barbosa (ASSECOM-CMG).

GMR Telecom