sss-2
ferragens-pai-e-filhos
jm-variedades
redecon 2
Banner-Blog-Guamare-em-dia---1140x140px
Banner-Blog-Guamare-em-dia---1140x140px

Browsed by
Categoria: Notícias

Prefeito Eudes Miranda entrega nova remessa do cartão Renda Cidadã a famílias carentes do município

Prefeito Eudes Miranda entrega nova remessa do cartão Renda Cidadã a famílias carentes do município

O prefeito Eudes Miranda, entregou 30 novos cartões do Programa Renda Cidadã para famílias carentes do município. A solenidade foi realizada no Centro de Idosos, com a presença do prefeito, secretários, a secretária de assistência social, Juliana Câmara, e os benefícios do programa.

O “Programa Renda Cidadã” beneficia famílias que vivem abaixo da linha de pobreza. Mensalmente essas famílias passam a receber um cartão para compras no comércio local com o valor de R$ 180,00 as famílias contempladas.

“O Renda Cidadã vem em boa hora a estas 30 famílias garantindo a elas a certeza de uma vida mais digna. Com alimentação de melhor qualidade, e a possibilidade de poder adquirir artigos básicos, o que antes não era possível”, afirma o prefeito Eudes Miranda.

“Ninguém vai levar o papelzinho para casa. O papel automaticamente é depositado dentro da urna”, diz Bolsonaro, sobre voto auditável, em entrevista ao BG

“Ninguém vai levar o papelzinho para casa. O papel automaticamente é depositado dentro da urna”, diz Bolsonaro, sobre voto auditável, em entrevista ao BG

Em entrevista ao Meio-Dia RN, com o BG, via 96 FM, nesta quarta-feira(04), o presidente Jair Bolsonaro disse que a discussão e decisão sobre o voto auditável será do parlamento, ‘e o que for decidido, será executado, inclusive, com o seu apoio’.

Bolsonaro ainda esclareceu a polêmica sobre o voto auditável.  “Ninguém vai levar o papelzinho para casa. O papel automaticamente é depositado dentro da urna.

O presidente ainda disse que a questão de Barroso é pessoal com ele, e que “não vai ganhar na canetada”, voltando a falar que a decisão cabe ao Congresso. Blog do BG

Reunião Secreta: Vereadores do governo se reúnem a portas fechadas no gabinete de Gustavo

Reunião Secreta: Vereadores do governo se reúnem a portas fechadas no gabinete de Gustavo

Uma reunião está dando o que falar nas redes sociais e grupos de whatsapp, trata-se de um encontro a portas fechadas no gabinete do vereador Gustavo Santiago (SD), oposição ao governo.

Gustavo se reuniu com três vereadores da base governista logo após o termino da sessão ordinária desta terça-feira (03), e a pauta da conversa não foi sobre o debate acalorado da sessão, mas foi sobre o futuro politico.

Servidores da câmara tentaram servir um cafezinho, mas a porta estava fechada. Eu ouvi um dos assessores do vereador informando que a reunião não poderia ser interrompida, e que se precisasse de um chá de camomila ele solicitaria via fone.

Eu confesso que fiquei muito inquieto nos corredores da câmara, tentando fazer um furo de reportagem para saber o que danado, e de fato se tratava dessa reunião tão sigilosa, pois foram quase duas horas de conversa.

Sem eu saber o que de fato se tratava, os meus esforços no primeiro momento foram em vão. Sai de lá com uma pulga atrás da orelha, e fui prestigiar a missa de um ano em homenagem ao pai do vereador Edinor Albuquerque.

Mais no segundo momento uma abelhinha me ligou informando que essa reunião só terminou, porque os vereadores tinha um compromisso em Baixa do Meio.

Ainda disse que durante todo tempo nem um copo de água pediram para molhar a garganta tamanho foi o sigilo.

Nota do Blog

Troca de mensagens via WhatsApp em plena sessão, olhares com gestos que falam por si só entre oposição e situação,  reuniões secretas, e muitas indefinições.

Esse é hoje o cenário politico entre alguns vereadores observados por este canal de noticias que não perde um flash nos pequenos detalhes.

É bom lembrar que chegará o momento em que cada soldado deve dizer em que tropa irá para guerra em busca do bom combate.

Chegará o momento do nó se arrochar em busca da união, e consequentemente a vitória, ou esse nó irá torar de vez.

Este momento eu sinto que está perto de acontecer… O momento da onça beber água.

Oremos Irmãos!

Câmara Municipal: Resenha da sessão ordinária do dia 03 de Julho de 2021

Câmara Municipal: Resenha da sessão ordinária do dia 03 de Julho de 2021

O vereador-presidente da Casa, Diego de Lisete (MDB) abriu a sessão cumprimentando seus pares e o público presente. Em seguida, solicitou ao primeiro secretário que fizesse o registro dos vereadores presentes.

O vereador-presidente, Diego de Lisete (MDB), solicitou a redatora de ata que fizesse a leitura da ata da sessão extraordinária, realizada em 29 de julho. A ata foi colocada em votação, sendo aprovada pela unanimidade dos vereadores presentes.

A seguir, o vereador-presidente, Diego de Lisete (MDB) solicitou a redatora de ata a leitura da Ordem do Dia, onde constava a resposta do processo 257/2021 – que solicitava, após ouvida a mesa, informações do setor competente, referente ao funcionamento da estação de tratamento de esgoto (ETE) municipal. A redatora de ata fez a leitura do ofício do executivo expondo esclarecimentos da funcionalidade da ETE.

No tempo regimental, o vereador Gustavo Santiago (Solidariedade), foi o primeiro a fazer uso da tribuna. O parlamentar iniciou a sua fala, destacando o retorno dos trabalhos legislativos após o recesso parlamentar e lembrou o “Dia dos Pais”, comemorado no próximo domingo.

O vereador Gustavo também abordou alguns assuntos discutidos nas sessões anteriores. Falou ainda do convênio entre a prefeitura de Guamaré e a APAC, reforçando o seu posicionamento contrário.

O vereador Carlos Câmara (MDB), foi o segundo parlamentar a fazer uso da palavra na tribuna. O vereador se referiu a alguns trechos do discurso do colega, que usou a tribuna anteriormente. O parlamentar falou dos inúmeros benefícios e conquistas do município nos últimos anos.

Ainda em sua fala, o vereador Carlos Câmara citou o convênio entre a prefeitura e a APAC, ressaltando a importância do mesmo.

O vereador Edinor Albuquerque (MDB), baseado no regimento interno da Casa, solicitou o tempo restante para fazer uso da palavra, onde inicialmente abordou o orçamento do convênio entre a prefeitura e a APAC.

O vereador fez algumas observações importantes e destacou requerimentos e projetos em favor do povo aprovados  na casa legislativa.

O vereador-presidente, Diego de Lisete (MDB), passou a Ordem do Dia, constando o Requerimento n° 072/2021, para que se envie ao chefe do Executivo Municipal, a solicitação para um novo convênio com os Correios no distrito de Salina da Cruz. Matéria de autoria da vereadora Eliane Guedes.

Na discussão da matéria, a vereadora Eliane Guedes (MDB), falou da importância dos Correios para os moradores do distrito de Salina da Cruz, pedindo aos colegas o voto favorável. Após a discussão, o requerimento foi colocado em votação, sendo aprovado à unanimidade dos vereadores presentes.

Em seguida, entrou em pauta o requerimento n° 073/2021 – com a solicitação para que se envie a secretaria competente o pedido de providências de manutenção ou restauração das paradas de ônibus. A matéria de autoria da vereadora Eliane Guedes foi colocada em discussão.

Na sua justificativa, a vereadora Eliane Guedes (MDB), falou da importância do requerimento e pediu aos colegas o apoio para aprovação. Colocado em votação, o requerimento foi aprovado à unanimidade dos vereadores presentes.

Nas comunicações parlamentares,  o vereador Carlos Câmara (MDB) foi o primeiro a falar e faz a leitura do requerimento de nº 008/2021, direcionado a Mesa Diretora, com a  minuta do projeto de resolução que institui o código de ética e decoro parlamentar da referida casa.

O vereador-Líder do governo, Edinor Albuquerque (MDB) faz o uso da palavra nas comunicações finais, destacando a importância da participação dos vereadores na 1ª Jornada Potiguar de Educação Parlamentar, que terá início na próxima sexta-feira, 06, no município.

O vereador Gustavo Santiago (Solidariedade) fez uso da palavra nas comunicações finais e fez alguns esclarecimentos. A vereadora Elaine Guedes (MDB) também fez uso da palavra e falou de alguns assuntos acerca da referida sessão, onde lamentou algumas atitudes dos colegas parlamentares.

O vereador Daniel do Sub (Solidariedade) também fez uso da palavra, onde abordou alguns assuntos relacionados a sessão, falando também do polêmico convênio entre a Prefeitura de Guamaré e APAC.

Antes de encerrar à sessão, o vereador-presidente, Diego de Lisete (MDB), fez um balanço dos serviços prestados à população na emissão dos RGs, entre outras ações do legislativo, deixando alguns esclarecimentos e aproveitando para parabeniza os pais pelo seu dia, no próximo domingo.

Não havendo mais nenhum vereador para  falar, a sessão foi encerrada e o vereador-presidente, Diego de Lisete (MDB) convoca todos para à próxima sessão, na terça-feira, dia 10. Fotos: Alexandre Barbosa (Assecom-CMG)

GMR Telecom
Missa de um ano em homenagem ao ex-vereador Claudionor Vieira é marcada pela saudade e emoção

Missa de um ano em homenagem ao ex-vereador Claudionor Vieira é marcada pela saudade e emoção

A Igreja de São Sebastião localizada na comunidade de Baixa do Meio foi pequena para receber familiares e amigos para a celebração da missa de um ano pelo falecimento do ex-vereador Claudionor Vieira de Melo, pai do atual vereador, e líder do governo na câmara,  Edinor Albuquerque, na noite desta terça-feira (03).

Além da família, autoridades prestigiaram o momento de saudade, o prefeito Eudes Miranda, o ex-prefeito Hélio Willamy, o presidente da câmara, vereador Diego de Lisete, os vereadores Miranda Junior, Manu de Nascimento, Leandro Felix, Carlos Câmara, Daniel Monte, Dedezinho, dentre outras autoridades e amigos.

Seu Claudionor foi um homem simples, e sem vaidade.  Estas palavras foram repetidas durante a celebração da missa para lembrar-se de um cidadão que em vida só fez o bem sem olhar aquém.

Seu Nor, como era mais conhecido, foi um político correto, sincero, leal a suas confecções, muito querido na comunidade de Baixa do Meio, onde morava com sua família.

A Missa foi celebrada pelo padre Gilvan Bezerra, que na homilia lembrou-se das qualidades, os princípios e o caráter de Claudionor Vieira.

Como ser humano seu Nor era uma pessoa simples, sem vaidade, amava sua família. Como político espalhou gestos de grandeza e lealdade e notabilizou-se pela partilha, a generosidade, a humildade e o amor ao próximo.

A emoção maior foi quando o testemunho de seu filho, vereador Edinor Albuquerque, enalteceu o exemplo de homem e politico deixado por seu pai. Ele se lembrou de diversas passagens e fatos que evidenciaram a história de um homem de bem.

As lágrimas corriam aos rostos das pessoas a cada palavra dita que lembrava a figura do ser humano bom que seu Nor sempre foi para todos.

Ação do MPRN visa construção de novo cemitério para Caiçara do Norte e São Bento do Norte

Ação do MPRN visa construção de novo cemitério para Caiçara do Norte e São Bento do Norte

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) está movendo uma ação civil pública (ACP) para que as Prefeituras de Caiçara do Norte e de São Bento do Norte providenciem um lugar adequado para a colocação de cadáveres dos cidadãos que venham a morrer em uma das duas cidades.

Atualmente o cemitério que serve aos dois municípios, localizado em São Bento do Norte, atingiu a superlotação de sepultamentos, sendo, portanto, necessária a construção de um novo local ambientalmente adequado.

Para a Promotoria de Justiça de São Bento do Norte, que tem atribuição institucional para atuar em defesa da cidadania e do meio ambiente, a situação é grave e demanda uma solução urgente. O problema de espaço no cemitério já vem se arrastando há muitos anos, e foi agravado diante do contexto de pandemia por Covid-19. A unidade ministerial tem um inquérito civil instaurado desde 2008 para apurar as irregularidades com o cemitério que serve aos dois Municípios.

Na ação civil, o MPRN pede que a Justiça determine providências para cada Prefeitura. Entre elas estão apresentar diagnóstico da situação atual dos cemitérios públicos (para verificar a capacidade de suporte de sepultamentos e por mais quanto tempo durará a possibilidade de capacidade de lotação dos cemitérios atuais); a elaboração de cronograma de construção, a ser executado no prazo máximo de um ano, de um novo cemitério; a inclusão no orçamento de 2022 a previsão de recursos orçamentários para a construção, obedecidas as normas técnicas e legais, de, pelo menos, um cemitério público, no prazo de um ano, que atenda a toda a cada população; apresentação de alternativas de sepultamento enquanto não forem implantados os novos cemitérios públicos.

O MPRN aponta como alternativa, se as gestões concordarem, os Municípios pactuarem um convênio para que o eventual cemitério a ser construído, dividindo responsabilidades e custos para cada um, bem como a manutenção predial (no que se inclui servidores para serviços de zelo do recinto).

Durante mais de 14 anos, o MPRN adotou todas as providências extrajudiciais que estiveram disponíveis, mas não obteve êxito na solução dos problemas narrados no feito, tendo em vista que, nada obstante os Municípios de Caiçara do Norte e São Bento do Norte se demonstrarem disponíveis à resolução da demanda, não adotaram medidas efetivas. Fonte: MPRN.

Se riscasse um fósforo hoje na sessão da câmara o prédio pegava fogo

Se riscasse um fósforo hoje na sessão da câmara o prédio pegava fogo

Quem perdeu a sessão ordinária realizada na tarde desta terça-feira (03) na câmara municipal, deixou de prestigiar um grande debate já realizado nesta legislatura após a volta do recesso parlamentar.

E olhe que o clima esquentou entre os vereadores Gustavo Santiago (SD), Edinor Albuquerque (MDB), e Carlos Câmara (MDB).

Acusações e defesas pediram passagem.

Foi preciso o presidente da câmara, vereador Diego de Lisete (MDB), pedir aos colegas calma para que a ordem fosse mantida.

Aqueles que estavam no plenário da câmara, em casa, ou no trabalho assistindo a live através das redes sociais, da página do facebook da câmara, e do blog Guamaré em Dia ao VIVO, observaram que o clima esquentou, e ficou por alguns minutos tenso, muito tendo.

Acreditem se quiser… Se riscasse um fósforo hoje na sessão da câmara o prédio pegava fogo.

Aguarde matéria completa.

Ministério Público: Nota de Esclarecimento

Ministério Público: Nota de Esclarecimento

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Norte (DPE/RN) esclarecem que a decisão do ministro relator Alexandre de Moraes, do STF, sobre o Plano de Retomada Gradual das Atividades da Rede Estadual de Ensino do RN não impede a retomada imediata das aulas no modelo presencial.

Ela apenas reformou parcialmente a decisão do Juízo da 2ª Vara da Fazenda Pública de Natal, mantendo as fases e lapsos temporais estabelecidos no plano de retomada das aulas da rede estadual de ensino, que permanece em vigor.

Da mesma forma, a decisão é direcionada única e exclusivamente às aulas na rede estadual de ensino, não atingindo, dessa forma, as redes municipais, que devem manter seus planos de retomada já estabelecidos.

O MPRN e a DPE reafirmam a necessidade de continuação do processo de retomada das aulas presenciais de forma híbrida, gradual e facultativa para todas as instituições de ensino, públicas e privadas, estaduais e municipais, como forma de assegurar o direito fundamental à educação.

Ao VIVO – Sessão ordinária Câmara de Guamaré nesta terça-feira, dia 03

Ao VIVO – Sessão ordinária Câmara de Guamaré nesta terça-feira, dia 03

Central da Cidadania passa a ofertar serviços em parceria com o SINE

Central da Cidadania passa a ofertar serviços em parceria com o SINE

O Munícipio de Guamaré através da Secretaria Municipal de Assistência Social, celebrou acordo de parceria com Sistema Nacional de Emprego – SINE/RN.

A partir desta quarta-feira 04 de agosto, a Central da Cidadania passará a contar com um servidor do SINE/RN, que atenderá a população Guamareense com atendimentos mensais.

Aos que se interessar em se cadastrar no SISTEMA NACIONAL DE EMPREGO, chegou a grande oportunidade de ter seu currículo disponível por várias empresas brasileiras através do SINE.

Os interessados devem procurar a Central da Cidadania munidos dos seguintes documentos originais: RG,  CPF, comprovante de residência, carteira de trabalho e currículo (caso não tenha, faz no atendimento).

Horário de atendimento das 9h00 as 12h00 e 14h00 as 17h00 na Central da Cidadania de Guamaré.

Brasil despacha México e vai à final pelo bicampeonato olímpico

Brasil despacha México e vai à final pelo bicampeonato olímpico

Por globoesporte.com

Que Ochoa que nada! O Brasil tem Santos e vai para a final. O goleiro do Athletico-PR defendeu a primeira cobrança na disputa de pênaltis e ajudou o Brasil a passar pelo México nas penalidades por 4 a 1.

No tempo regulamentar e na prorrogação, empate por 0 a 0 de raras emoções, poucas chances de gol, muitas faltas e 10 cartões amarelos.

Nas penalidades máximas, converteram Daniel Alves, Martinelli, Bruno Guimarães e Reinier. Os mexicanos Eduardo Aguirre – em defesa de Santos – e Vazquez – trave – desperdiçaram. Rodriguez marcou.

JM Variedades
Urgente: Clubes Militares da Marinha, Exército e Aeronáutica fazem nota duríssima contra TSE e apoiam voto impresso

Urgente: Clubes Militares da Marinha, Exército e Aeronáutica fazem nota duríssima contra TSE e apoiam voto impresso

O Clube Militar, o Clube Clube Naval e o Clube de Aeronáutica, formados por oficiais da reserva das Forças Armadas brasileiras, emitiram em conjunto uma noite desta segunda-feira (2) defendendo a proposta de “voto auditável”, bandeira defendida pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e motivo de confrontos com o Supremo Tribunal Eleitoral (TSE).

A nota reproduz os argumentos utilizados por Bolsonaro em sua transmissões pelas redes sociais na última quinta-feira (29). Segundo os oficiais da reserva, “Auditagem das urnas não pode ser enxergada a olho nu. Trata-se,  de uma inescrutável caixa preta. A  inviolabilidade das urnas eletrônicas, atestada pela própria equipe técnica do TSE, não pode ser um dogma. O TSE bloqueia sistematicamente propostas de teste do sistema solicitados por equipes externas, o  que pode levar à suspeita de que tem algo a esconder”, diz o comunicado. A apuração das urnas não é feita em segredo, representantes dos partidos participantes da disputa acompanham a apuração.

Confira a nota completa dos clubes militares:

Rio de Janeiro, 02 de Agosto de 2021

Clube Naval, Militar e de Aeronáutica

A confiabilidade e a transparência de um processo eleitoral constituem requisitos básicos para uma  democracia saudável, e suscitaram o debate sobre a implementação da urna eletrônica com  voto impresso auditável, em análise pelo Congresso Nacional, provocado  pela PEC 135/2019.

As Urnas Eletrônicas (DRE – Direct Recording Electronic Voting Machines) de 1ª Geração foram implantadas  em  1996. De 2006 a 2012, Holanda, Alemanha, EUA, Canadá, Rússia, Bélgica, Argentina, México e Paraguai abandonaram-nas. Em 2014, India e Equador adotaram modelos mais avançados. Embora já exista a Urna E de 3ª Geração, o   Brasil  insiste em utilizar as superadas Urnas E de 1ª Geração.

A auditagem das urnas não pode ser enxergada a olho nu. Trata-se,  de uma inescrutável caixa preta. A  inviolabilidade das urnas eletrônicas, atestada pela própria equipe técnica do TSE, não pode ser um dogma. O TSE bloqueia sistematicamente propostas de teste do sistema solicitados por equipes externas, o que pode levar à suspeita de que tem algo a esconder. Por que essa exclusiva “segurança em obscuridade”? Por que tal segregação, se todos, indistintamente, tem direito à verdade?

No entendimento do TSE, apoiado na  letra jurídica, o ônus da prova cabe a  quem reclama de fraude. Mas pelo fato de  todo o processo ser digitalizado, sem  a existência de provas  visíveis  e tangíveis, torna-se impossível atestar uma possível ilicitude. Se não há como apresentar provas materiais, a questão permanece em suspenso, o que favorece os tenazes defensores do sistema. Até quando vai perdurar esse circunlóquio?

Pessoas dotadas de nível mediano de  conhecimentos sobre sistemas sabem que celulares e computadores  são  vulneráveis a vírus e invasões. No tocante a Urnas E, o universo de pragas  cibernéticas pode compreender, dentre outros malefícios,  a clonagem e adulteração de programas,  a inclusão de programas  maliciosos para desvio de votos de um candidato para outro, a supressão de votos, fraudes na apuração e totalização de votos  e   pré-inserção de votos nas urnas.

Sistemas digitais da NASA, do Pentágono, de partidos políticos americanos  e de grandes empresas privadas, mesmo protegidos por sistemas de segurança (CyberSecurity) up to date, já foram invadidos. Hackers, por ideologia e/ou interesses financeiros, são gênios do mal e estão sempre um passo à frente em termos de avanço  tecnológico. Diante destas inquestionáveis evidências, seriam as urnas eletrônicas brasileiras realmente  inexpugnáveis?

De acordo com o previsto na PEC 135/2019, mediante a impressão, o eleitor não tocaria o voto, tampouco o levaria consigo, apenas o veria, verificaria se ele de fato corresponde ao candidato que aparece na tela,  confirmaria, o papel  cairia e permaneceria armazenado dentro de urna lacrada, o que possibilitaria, caso necessário, futuro cotejo e recontagem. Portanto, nada mais  falso afirmar que, com a impressão do voto, o eleitor poderia ser  pressionado por “benfeitores”, traficantes, milicianos e afins.  Pura desinformação.

O TSE,  administrador-mor do sistema, prega a dependência absoluta do software, ao afirmar que   um aumento da interferência humana ocasionaria erros que abririam brechas para a judicialização do processo eleitoral. Obviamente, nenhum sistema está totalmente a salvo da maldade  dos homens. Mas seria a aceitação passiva dos resultados da urna eletrônica mais aconselhável, a fim de evitar  questionamentos válidos, no melhor estilo “Cale-se, eu sei o que é melhor para você”? Eis  a verdadeira ditadura.

O sistema de urnas eletrônicas com voto impresso auditável, indubitavelmente,  acrescenta equipamentos eletrônicos, o que aumenta a probabilidade da ocorrência de problemas sistêmicos, além de gerar necessidades logísticas e de segurança física. Caberia  ao TSE ser proativo  e estabelecer planos contingentes para que o sistema como um todo possa operar  de maneira eficiente. A justificativa de que, em face da pandemia, o gasto de três bilhões de reais com o custo da implementação das urnas eletrônicas com voto impresso auditável  seria inadmissível não se sustenta, pois a lisura e a transparência  do processo eleitoral –  essenciais para uma  salutar  democracia –  não tem preço, seja em que tempo for.

O prazo final para a resolução desse imbróglio, visando as eleições de 2022, será outubro. Esperamos que não seja um outubro vermelho, mas sim verde e amarelo, pelo bem do Brasil.

AE Luiz Fernando Palmer Fonseca

Presidente do Clube Naval

Gen Div Eduardo José  Barbosa

Presidente do Clube Militar

Maj Brig-Ar Marco Antonio Carballo Perez

Presidente do Clube de Aeronáutica

O Clube Militar com este texto, encerra uma série de artigos mostrando a necessidade de total transparência no processo eleitoral brasileiro.

A data de hoje é importante, pois antecede a votação de matérias no Congresso Nacional.

Boa sorte, Brasil!

CNN

GMR Telecom
Governadora sanciona lei que proíbe apreensão de motos por falta de pagamento do IPVA

Governadora sanciona lei que proíbe apreensão de motos por falta de pagamento do IPVA

Foi sancionada pela governadora Fátima Bezerra, a lei que proíbe a apreensão de motocicletas motonetas ou ciclomotores de até 155 cilindradas por atraso no pagamento do IPVA, no Estado.

Trata-se da Lei nº 10.963, publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) no sábado passado (31).

De acordo com a Lei, estão proibidas a apreensão e a remoção de motocicletas, motonetas ou ciclomotores de até 155cc por autoridade de trânsito, em função da não identificação de pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores – IPVA.

A lei sancionada sábado, porém, não impede apreensão ou recolhimento se a fiscalização identificar ocorrência de outras hipóteses previstas na legislação vigente.

Outro ponto é que os proprietários de veículos apreendidos até a data da entrada em vigor da Lei, exclusivamente por não pagamento de IPVA e taxas, podem solicitar sua liberação à autoridade administrativa sem ônus.

A lei é de autoria do deputado Dr. Bernardo (MDB).

Câmara Municipal: Haverá sessão ordinária nesta terça-feira, dia 03

Câmara Municipal: Haverá sessão ordinária nesta terça-feira, dia 03

EXPEDIENTE:

Leitura e aprovação da ata da última sessão ordinária (29/06/2021);

Resposta do processo 257/2021 – Solicito, após ouvida a mesa, informações do setor competente, referente ao funcionamento da estação de tratamento de esgoto (ETE) Municipal.

ORDEM DO DIA:

 Requerimento n° 072/2021 – Requeiro para que se envie ao chefe do Executivo Municipal, para que seja firmado um novo convênio com os correios no distrito de Salina da Cruz, de autoria da vereadora Eliane Guedes;

Requerimento n° 073/2021 – requeiro para que se envie a secretaria competente para que se providencie a manutenção ou restauração das paradas de ônibus, de autoria da vereadora Eliane Guedes.

A Lei do Retorno é Infalível!

A Lei do Retorno é Infalível!

“A lei do retorno é infalível! – Pode demorar, mas sempre receberemos na medida exata do que oferecemos. Nada mais, nada menos do que isso”.

Não raro, costumamos achar que vimos sendo tratados injustamente ou de forma desagradável pelas pessoas que nos rodeiam. É como se estivéssemos recebendo muito menos do que verdadeiramente queremos ou pensamos que merecemos.

Assim, passamos a colocar a culpa do que nos ocorre tão somente nas pessoas e no mundo lá fora, o que nos impede de nos enxergarmos como sujeitos de nossas histórias, uma vez que, nessa ótica, seríamos meros joguetes nas mãos dos outros.

E, assim, vamos passando os dias lamentando as supostas injustiças que nos vão sendo impostas, recheando nossas amarguras com os tratamentos que julgamos descabidos por parte das pessoas que convivem conosco, sentindo-nos mal amados, mal interpretados, mal vistos e desvalorizados.

Afinal, ninguém parece nos entender ou perceber os potenciais que possuímos, como se estivéssemos sendo subutilizados em todos os setores de nossas vidas.

Por essa razão é que jamais poderemos fugir ao enfrentamento de nós mesmos, analisando racionalmente o que estamos oferecendo, como estamos nos comportando, enxergando a nós mesmos, na forma como estamos tratando as pessoas, nas palavras que usamos, no tom de voz que colocamos, no olhar que dirigimos ao mundo lá fora.

Muitas vezes, apenas estamos recebendo de volta exatamente o que oferecemos, nada mais nem menos do que isso.

Caso consigamos perceber a forma como as pessoas vêm nos enxergando, o que o mundo vem recebendo de nós, muito provavelmente entenderemos várias coisas que nos acontecem, tendo a consciência de que o que nos chega não é injusto e sim retorno de mesma medida.

Muitas vezes, estaremos ofertando é nada, tratando mal as pessoas, ignorando-as e menosprezando-as, fechando-nos aos encontros, a tudo o que está fora de nós. Como é que poderão enxergar algo que não demonstramos? Como é que nos enxergarão, caso nos fechemos aqui dentro?

Embora exista quem não consiga fazer outra coisa que não azucrinar a vida de quem quer que seja, muitas pessoas com quem conviveremos estarão abertas a receber o nosso melhor e a fazer bom uso de tudo o que oferecemos, valorizando-nos e tratando-nos com o devido respeito.

É preciso, portanto, que nos permitamos o compartilhamento transparente de nossas verdades, para que elas nos tragam o retorno afetivo que nos enriquecerá a vida onde e com quem estivermos. Porque merecemos, sempre, o que oferecemos.

Fonte: O segredo

Foragido da justiça cai nas garras da patrulha em Galinhos

Foragido da justiça cai nas garras da patrulha em Galinhos

Numa operação bem sucedida deflagrada na manhã deste domingo (01), pela Policia Militar de Galinhos, sobre o comando do 3º Sargento Wellington, responsável pelo policiamento da cidade, e que contou com o apoio de policiais, a PM conseguiu prender com êxito um homem foragido da justiça.

Por volta das 10h a Policia Militar recebeu uma denúncia anônima de que um homem de camisa escura e boné alaranjado, era foragido da justiça e que estava na cidade, nas imediações da Praça dos Três Poderes no centro da cidade.

De imediato a guarnição se deslocou até o local, e ao localizar o suspeito fez a abordagem. Foi solicitada a apresentação da documentação que não apresentou a autoridade policial.

O acusado alegou no primeiro momento que havia perdido. Foi então perguntado o nome dele, que respondeu ser FRANCINALDO DA SILVA BARRETO. Como não apresentou documento para comprovação da informação, e pela foto é nome repassados para a guarnição, as evidências eram o bastante para se fazer a condução até a delegacia de Polícia Civil de Macau Para que fosse feita a averiguação como maiores informações.

Ao chegar e ser indagado pelos agentes da Polícia Civil, o suspeito confirmou que realmente era a pessoa que se encontrava foragido da justiça, e que utilizou nome falso para com os policiais.

Diante da situação e confirmação do suspeito ser mesmo o foragido, foram tomadas as devidas providências e o mesmo agora se encontra a disposição da justiça.

Com informações da Policia Militar de Galinhos

Ferragens Pai e Filho