Hélio Willamy: O gigante que chora pelo que ama e luta pelo que acredita!

Hélio Willamy: O gigante que chora pelo que ama e luta pelo que acredita!

A história de vida e politica de Hélio Willamy é um livro bom de ser lido por qualquer cidadão… As páginas nos revelam o seu passado quando entrou na vida pública, suas lutas, proezas, contos, historias, pessoas e personagens.

Suas lágrimas no palco do comício do 40 no ultimo domingo (24), chamou atenção do público presente, e me fez recordar da música do cantor, e compositor Cearense Raimundo Fagner.

Musica: Guerreiro Menino

Guerreiros são pessoas
São fortes, são frágeis
Guerreiros são meninos
No fundo do peito
Precisam de um descanso
Precisam de um remanso
Precisam de um sonho
Que os tornem refeitos.

É triste ver este homem
Guerreiro menino
Com a barra de seu tempo
Por sobre seus ombros
Eu vejo que ele berra
Eu vejo que ele sangra
A dor que traz no peito
Pois ama e ama

Na arena do conjunto Vila Maria, á Avenida Monsenhor José Tibúrcio, e a Orla da Praia do Rio Aratuá, ficaram pequenas para uma multidão de gente feliz. Muitos com adereços, outros vestidos com a camisa vermelha, tudo isso para ouvir o candidato a Prefeito Arthur, e sua vice Eliane, e demais liderança politicas.

No meio daquela multidão havia um homem do povo, um politico simples, sem vaidade, de pé no chão, emocionado o tempo todo, o líder político Hélio. Ele recebeu o abraço de gratidão, de respeito e consideração por parte daqueles que ele sempre cuidou, e cuida com atenção e amor.

Era visível o cansaço da maratona da campanha, mais estava feliz, Hélio caminhou todo o percurso com um sorriso no rosto, com gás de sobra, junto com o povo, mas a emoção bateu mais forte quando subiu no palco, e viu a dimensão do tamanho da multidão, e não conteve as lágrimas.

Uma emoção que foi reconhecida na fala de seu candidato a prefeito de Guamaré na eleição suplementar, Arthur Teixeira, ao dizer ao público presente: -“Obrigado por todo esse carinho, eu percebo que esse carinho existe porque há uma história que não é contada. É uma história de ação, é uma história de beneficio direto para as pessoas, quero que fique registrada na mente e no coração de vocês, a gestão de Hélio nunca vai ser esquecida, pois estar escrita na história de Guamaré e ninguém apaga. O que é feito com amor meu Tio Hélio, fica na memória os atos de carinho, os abraços verdadeiros, porque eu tenho andado com ele em Guamaré, e é impressionante como ele lembra o nome de todo mundo, ele chama cada um de vocês pelo o nome, e não é qualquer pessoa que faz isto, esse homem tem uma história escrita, e é lindo como ele ama esse povo”. Comentou.

Durante a mobilização politica foram momentos de aplausos, abraços, aceno popular e gritos com palavras de ordem em reconhecimento ao legado de ações, ao trabalho e a liderança de Hélio. Seu nome foi repetido várias vezes no meio da multidão na orla da praia, no gesto espontâneo que reafirmava sua força política, e o carisma de um homem que decidiu na vida cuidar e amar aqueles que mais precisam dele… O povo!

Nota do Blog

Falar de Hélio é fácil, difícil é ser Hélio, porque a ferida está no povo!