Macau: MPRN faz reunião para debater questões de trânsito

Macau: MPRN faz reunião para debater questões de trânsito

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) debateu assuntos relacionados ao ordenamento do trânsito na cidade de Macau. Para isso, realizou uma reunião com autoridades e representantes de instituições e órgãos públicos na última segunda-feira (21).

A iniciativa foi da 2ª Promotoria de Justiça da Comarca de Macau após a notícia sobre o incêndio da viatura do Departamento Municipal de Trânsito de Macau (DMUT) na madrugada do dia 15 de novembro de 2022.

Na reunião, a Prefeitura Municipal assumiu o compromisso de dar continuidade na fiscalização do trânsito pelo DMUT e informou que a viatura incendiada era locada e que, portanto, a empresa responsável fornecerá um novo carro em breve. A Companhia de Polícia Rodoviária Estadual do RN (CPRE) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) se disponibilizaram em fornecer apoio a Macau para essa fiscalização.

A necessidade de uma fiscalização de trânsito na região também foi debatida, tendo, ao final da reunião surgido um acordo para a CPRE, a PRF e o DMUT incrementarem uma rotina para este fim.

Na ocasião também foram discutidos e feitos encaminhamentos de outros assuntos como o resgate, pela União, da faixa de domínio na entrada da cidade; a necessidade de comunicação entre os órgãos para a troca e o registro de dados estatísticos sobre acidentes de trânsito (para evitar a subnotificação); a implantação de uma rotina de educação dos adultos para o trânsito, por meio de encontros, eventos, entrevistas em rádios e publicações no Instagram; a implantação do transporte público coletivo em Macau; a fiscalização do excesso de peso nos caminhões das salinas e no transporte de combustíveis nas vias da Comarca; e a vistoria periódica no transporte escolar pelo Detran.

Participaram da reunião, de forma remota ou presencial o prefeito, o delegado de Polícia Civil de Macau e representantes da 1ª Companhia Independente de Polícia Militar de Macau (1″ CIPM), da Guarda Municipal, do Conselho Estadual de Trânsito do RN (Cetran), além da CPRE, do DMUT e da PRF.

Fonte: MPRN

Facebook
Twitter
YouTube
WhatsApp