Na briga pelo o voto eleição para proporcional em Guamaré se tornou numa arena de gladiadores

Na briga pelo o voto eleição para proporcional em Guamaré se tornou numa arena de gladiadores

Os espetáculos de lutas de gladiadores empolgavam as plateias da Roma Antiga, devido à violência realista com que os combates eram travados.

Poucos sabiam, mas motivações políticas que se escondiam por detrás daqueles divertimentos sanguinários tinha um preço a pagar alto, altíssimo.

Os espetáculos tornaram-se uma arena política porque a plebe e seu soberano encontravam-se face a face.

As terríveis cenas onde gladiadores lutavam até a exaustão contra outros gladiadores, ou contra feras terríveis, foram apontadas como prova da crueldade do conluio entre o patriciado e a plebe romana.

Pois bem…

Não deveria, mas o atual cenário politico em Guamaré mais parece uma verdadeira arena de gladiadores me busca do voto para proprocional.

A noite virou dia na cidade do petróleo e dos ventos, e as redes sociais e grupos de whats app vem cada dia revelando um guerra desleal, desumana, dentro do próprio grupo politico entre candidato da mesma coligação.

Mais fique atento eleitor…

Adversário político no dicionário não é sinônimo de inimigo. Você pode divergir de ideias e de propostas, mas não precisa transformar a campanha eleitoral numa guerra politica.

Criticar, contestar, reivindicar, questionar, acusar e se defender, é próprio da democracia.

O contrário, pode se transformar em jogo sujo, muito sujo, por parte daqueles que lutam pela eleição ou reeleição para serem representantes do povo.

O que podemos constatar é uma guerra desenfreada como nunca vista, uma prova viva que os interesses do povo para muitos estão em segundo lugar.

Voto não se compra, voto se conquista!

(Visited 1 times, 1 visits today)