“Parabéns papai prefeito, Deputados e vereadores, os poetas e blogueiros, policiais, pescadores…”.

“Parabéns papai prefeito, Deputados e vereadores, os poetas e blogueiros, policiais, pescadores…”.

Homenagem aos Pais pelo cordelista Guamareense Francisco de Betânia.

Homem que deu ser a outro

Pai divino e criador

Que tem um ou mais filhos

Verdadeiro progenitor

O que ama e protege

Cria, cuida e ainda segue

Ele é feito de amor

Pai de todos, Pai celeste

Óh Jesus, meu Pai querido

É o melhor Pai desse mundo

Bom exemplo a ser seguido

É o Pai que nos perdoa

Que escuta as pessoas

Luz dos desfavorecidos

E pra Deus não é só um dia

Mas é toda eternidade

Pra honrar e respeitar

Livrar das dificuldades

E ser mãe também é pai

Pois toda vez que ele sai

Fica a responsabilidade

Mas nem sempre reconhece

E esquece o valor

Abandona e vai embora

E esquece que deixou

Um dos frutos mais bonitos

Não segue o exemplo de Cristo

Deus nunca lhe abandonou

Pra os pais que acompanham

E plantaram uma sementinha

Passando nove meses

Viram nascer uma criancinha

Se fizeram adolescente

Depois adultos em sua frente

Pra seguir a sua linha

Aos pais que andou com os filhos

E seguia os seus passos

Que nunca virou as costas

Preenchia seus espaços

Se caía dava as mãos

Laventava-os do chão

E botava em seus braços

Aos pais trabalhadores

Construindo o futuro

Dando aos filhos o apoio

Para se sentir seguro

E nas noites que choravam

Muitas vezes levantavam

Pois temia o escuro

Aos pais educadores

Preocupados com as lições

Ensinando o “b”, “a”, “bá”

Com tantas preocupaçoes

De lhe ver, ser e falar

De agirem e se comportar

Diante das situações

Aqueles pais que muitas vezes

Sem querer perderam a calma

Quando os filhos sem pensar

Se meteram pelas farras

Preocupados, os pais choraram

Mas nunca lhe abandonaram

E por eles, ainda ralam

A esses velhos pais queridos

E seus conselhos que fazem falta

Seus horários, suas regras

Pra chegar na hora exata

É tão ruim não tê-los aqui

Para poder dividir

Esse tempo que só passa

E aos pais que Deus levou

E deixaram as lembranças

Os vazios que ficaram

Quando agiam igual criança

Os vovôs dos seus netinhos

Que cuidava com carinho

E não perdia a esperança

Parabéns papai prefeito,

Deputados e vereadores,

Os poetas e blogueiros,

Policiais, pescadores.

Aos vaqueiros da fazenda,

Padre e pais que não tem renda

Mas fizeram seus doutores

Para todos os pais presentes

Escute seu filho amigo

Eu não sei se o agir deles

Parece um pouco contigo

Se parece pode crêr

Se espelharam em você

Parabéns papais queridos

Parabéns a cada um

Todos os pais merecedores

Pelo dia especial

Só Deus sabe seus valores

Pois alegram o coração

Quando um filho estende a mão

Para os pais abençoadores

Ferragens Pai e Filho