sss-2
ferragens-pai-e-filhos
jm-variedades
redecon 2
Banner-Blog-Guamare-em-dia---1140x140px
Banner-Blog-Guamare-em-dia---1140x140px
Prefeito Hélio é traído pelo o fogo amigo, mas tem a maior força que precisa… Deus e o povo ao seu lado.

Prefeito Hélio é traído pelo o fogo amigo, mas tem a maior força que precisa… Deus e o povo ao seu lado.

dsc_0818

A expressão “fogo amigo” ganhou notoriedade quando aliados de um mesmo exército atiravam em seus próprios aliados e foi usada inicialmente nos meios militares. Foi assim com os pracinhas brasileiros que lutaram na 2ª Guerra Mundial, conflito armado ocorrido entre os anos de 1939 a 1945. Por despreparo do governo, os combatentes brasileiros tinham uniformes parecidos com os dos inimigos alemães e eram então, abatidos pelos próprios compatriotas.

É possível que o leitor pergunte a razão pela qual contei essa situação do Fogo amigo… O filósofo iluminista francês Voltaire tem uma frase que resume com clareza. “Deus me defenda dos amigos, que dos inimigos defendo eu”. Na vida temos que adotar posições e evidentemente que tal ação naturalmente gere os contrários, que extrapolam os limites das ideias e partem simplesmente para o ódio ou rancor.

Dentro da questão política, em especial da minha querida Guamaré. Existe muita gente participando de um mesmo grupo político, o grupo politico do prefeito Hélio, se fazendo de amigo e aliado, mas atirando em seus próprios correligionários, pelo simples fato de ‘puxar o tapete’ para buscar o seu lugar ao sol. Seja isto em troca de cargos e favores políticos e, quem sabe financeiro. Este de fato é o pior algoz. 

A prática de políticos e aliados de ‘jogar nos dois times’ ficou no passado? É engano de quem assim pensa. As negociatas da política estão por aí, em todo o tempo e lugar. São políticos e aliados que já estiveram juntos por pura conveniência, hoje já nem mais se falam a mesma língua. A roda gira e vai mudando o panorama.

Quando estes que me refiro sem dá nomes, pois conheço a maior parte, tem algo em mãos para votar, desaprovar, aprovar, reivindicar ou colocar para frente em tempo, olha apenas o atual momento e é colocado no bolso por algum estrategista, se esquecendo do ‘todo’ que o fez galgar tal posição. Quantos “Cafés Filhos” estão por aí, à espreita, esperando o momento de agir de acordo com os ditames do ‘fogo amigo’, para se aproveitarem da ocasião em prol de benefícios pessoais?  Conduta que enoja e prostitui ainda mais a já podre forma de fazer política em Guamaré e por este Brasil a fora. 

Quero de público parabenizar a oposição que com seu jeito de fazer politica colocou alguns aliados do governo no bolso e fechou o zipe. Uma oposição que durante todo o tempo estudou as estratégias, o campo minado, os vereadores, os aliados do governo, as pessoas, e jogou bem… Muito bem. Conseguindo o que mais queria para ficar forte, impugnar ou enfrentar nas urnas o atual prefeito Hélio.

Uma oposição que foi recheada durante todo o tempo de informações sigilosas e privilegiadas, até documentos foram dados por pessoas de dentro do próprio governo ao pessoas do grupo oposicionistas, além de fecharam os olhos para facilitações e ficar bem no jogo, que queira ou não, ajudou e muito a oposição nestes eleições, embora há quem afirme que não foi por falta de conselhos.

Enquanto o atual prefeito Hélio sofre com a sombra do fogo amigo dentro do governo e na câmara, a oposição tem comemorado com razão e direito, alguns dos resultados favoráveis na justiça. Embora seja para muitos inexplicáveis, afinal, fazer politica ficou pra poucos. O que tem sustentado o prefeito de todos, é sem duvida alguma, a fé em DEUS e a maioria do povo que está ao seu lado.

“Hélio é gente da gente é Guamaré pra frente, é o povo de novo, Hélio vai continuar ele não pode parar, assim quer o povo”. Isto já o credencia a continuar lutando ao lado do povo para ser reeleito prefeito de Guamaré, mesmo sobre a terrível sombra do fogo amigo.