“Quem poupa o lobo, sacrifica a ovelha”. Victor Hugo

“Quem poupa o lobo, sacrifica a ovelha”. Victor Hugo

Motivação é um impulso, um sentimento que faz com que as pessoas haja para atingir seus objetivos, faz com que os indivíduos deem o melhor de si, esse é um dos significados mais simples dessa palavra originada do latim.

Todos nós necessitamos de motivações, quer seja na vida pessoal como no ambiente profissional, pois a motivação influi diretamente na produtividade, qualidade e serviço. A compaixão nem sempre é uma virtude. “Quem poupa a vida do lobo, condena à morte as ovelhas”.

A célebre citação do escritor e poeta francês Victor Hugo, serve de inspiração para afirmar que se tratando do serviço público, daqueles que ocupa um cargo ou uma posição de destaque na cidade, às vezes é preciso ser sacrificado para que um objetivo maior seja alcançado. Em miúdos… Sacrificar um bem menor e de pouco valor, para salvar o mais valioso, isto no ponto de vista de político.

Pois bem…

Um fenômeno já começa acontecer nos bastidores no campo politico e administrativo de Guamaré e poucos estão conseguindo ainda alcançar o jogo de xadrez. Não quero aqui queimar minha língua e contrariar meus pensamentos, mas há faro e cheiro que ovelhas do rebanho, que tanto contribuíram e contribuem para o desenvolvimento da cidade e o crescimento de um determinado grupo político serão sacrificadas à surdina, no calar da noite para salvar os lobos.

Contrariar decisões de um grupo ou de líderes políticos não é fácil, defender a moralidade, legalidade e a coisa certa e correta, ficou para poucos, e eu já anunciava aqui nesse espaço, lá atrás, que se aproximando às eleições de 2020, havia sinais antes do pleito que ovelhas seriam banidas do rebanho pelo simples fato de combater as injustiças sociais e políticas.

É fato que quando uma ovelha é sacrificada, seja em qual for o grupo politico, será menos um que pode se multiplicar por muitos e o rebanho tende a esmorecer. Diante desta situação tão complexa e traiçoeira como é o campo político e administrativo da cidade, é mais prudente cuidar das ovelhas, a ter que perder um lobo.

(Visited 229 times, 50 visits today)