sss-2
ferragens-pai-e-filhos
jm-variedades
redecon 2
Banner-Blog-Guamare-em-dia---1140x140px
Banner-Blog-Guamare-em-dia---1140x140px
SERVIDORES PÚBLICOS DE MACAU JÁ PODEM ENCOMENDAR O “VELÓRIO” DE TULIO LEMOS

SERVIDORES PÚBLICOS DE MACAU JÁ PODEM ENCOMENDAR O “VELÓRIO” DE TULIO LEMOS

Cruel: Tulio vai muito bem obrigado, pra não dizer o contrário.

Não acreditei quando li a notícia, precisei ler três vezes (igual a São Tomé) para acreditar no golpe do prefeito de Macau contra centenas de pais de famílias, alguns a esta altura sem um centavo sequer para comprar o caderno, o lápis e a borracha para o filho ir à escola na volta as aulas. Com essa, Túlio se enterra de cabeça pra baixo sozinho, sem precisar a oposição mexer um pauzinho.

Leia pra crer:

TÚLIO RECORRE DE DECISÃO DA JUSTIÇA DE PAGAR SALÁRIOS EM DIA E GANHA

Antes de ganhar a eleição em 2016 o prefeito de Macau, Túlio Lemos, dizia aos quatros cantos que pagar os salários dos servidores em dia não era nada mais que a obrigação de qualquer gestor e que isso era muito pouco para um gestor se vangloriar.

Quando eleito parece que o prefeito Túlio Lemos mudou de ideia. Vítimas dos constantes atrasos de salários os servidores públicos da cidade de Macau não viram outra saída senão entrar com uma ação na justiça que obrigasse o prefeito a pagar os salários em dia.

A ação impetrada pelo SINDSMAC através de seu advogado Einstein Barbosa deu resultado e o juizado da comarca de Macau concedeu liminar obrigando ao prefeito Túlio Lemos a colocar o salário em dia até o final de 2018 de todos os servidores efetivos e aposentados do município.

Como era de se esperar Túlio não cumpriu a decisão judicial e até o dia de hoje ainda há servidores com seus salários atrasados e como era de se esperar também, o prefeito Túlio Lemos recorreu ao Tribunal de Justiça para derrubar a liminar que o obrigava a pagar em dia os servidores e conseguiu na tarde de hoje.

Macau tem uma folha salarial de em média 3 milhões de reais por mês e arrecada em média 7,5 milhões de reais por mês, não é preciso ser nenhum gênio da matemática para saber que o atraso constante de salários não é devido a quedas de receitas como alega o prefeito, até porque em 2018 o município de Macau arrecadou 13 milhões de reais a mais que em 2017. O constante atraso de salários tem outro motivo, má administração dos recursos públicos.

Hoje o Tribunal de Justiça desobrigou o prefeito Túlio Lemos de pagar os salários em dia, resta saber se o mesmo tribunal irá desobrigar a cosern de cortar a luz dos servidores públicos de Macau que estão com salários atrasados e não tem como pagar, ou se o mesmo tribunal irá obrigar o supermercado a vender a feira do mês fiado ao servidor pra ele pagar quando receber o salário.

Em relação a Túlio ter recorrido da decisão para não ser obrigado a pagar os salários em dia é mais uma mancha que ele coleciona na sua carreira de gestor, ficou feio pra ele que já é reconhecido em todo o estado como mau pagador, o correto seria ele pagar os servidores em dia e deixar de conversa, afinal como dizia o próprio Túlio Lemos, quem quer arranja um jeito quem não quer arranja desculpa. Blog É isso aí!