Sustentabilidade gerando educação ambiental em Guamaré

Sustentabilidade gerando educação ambiental em Guamaré

A segunda semana de abril foi contemplada com o Curso de Conservação dos Recursos Naturais e Práticas Agrícolas Sustentáveis, durante os dias 5, 6, 7 e 8 de abril, no município de Guamaré. Três turmas se formaram em duas escolas, sendo elas: Escola Municipal Benvinda Nunes Teixeira e Escola Municipal Professora Madalena da Silva, em Baixa do Meio.

O curso contabilizou a formação em média de 60 adolescentes, com a faixa etária de 14 anos, abrangendo alunos do 8º ano do ensino fundamental. O projeto também tem como objetivo fortalecer as escolas com ações de educação ambiental, com os alunos das escolas públicas estaduais e municipais, para atuarem como multiplicadores ambientais, por isso, a importância dessas atividades educativas proporcionarem um conhecimento diferenciado, próximo a vivência da zona rural.

O conteúdo trabalhado nos três capítulos foram: Impactos Ambientais no Semiárido Potiguar, Resíduos Sólidos e Práticas Agrícolas Sustentáveis, com o interesse de conscientizar a população acerca da importância da preservação dos recursos naturais, para a construção da sustentabilidade ambiental no plano local.

A parte teórica foi explanada por 3 palestrantes: Camila Fernandes, pedagoga, Jailson Damasceno, engenheiro agrônomo e Obdon Fernandes, engenheiro agrônomo. Em sala de aula, os alunos conseguiram observar que a realidade sobre as práticas agrícolas estavam no seu dia a dia, e logo identificaram os nomes científicos de cada atividade.

Franci Paula, coordenadora pedagógica dos anos finais da Escola Municipal Maria Madalena da Silva, enfatizou que os ensinamentos serão praticados na própria vivência escolar: “para a escola a importância desse curso é riquíssima, porque os alunos só tiveram a aprender, e já estamos pensando em levar além, com projetos de hortas, com eles mesmos cultivando e plantando na escola. Eles já estão conscientes que o projeto não para aqui, eles vão desenvolver o que aprenderam durante essa semana. É um futuro muito grande para esses alunos”.

O projeto é uma realização da @Anea, com o patrocínio da @Petrobras por meio do programa Petrobras socioambiental.